Demônios na visão espírita

11:24 Meu Livro Espírita 0 Comments


Segundo a doutrina das igrejas, os demônios foram criados bons e se tornaram maus pela desobediência: São os anjos decaídos, foram colocados por Deus no alto da escala, e desceram. Mas para a doutrina espírita são espíritos imperfeitos que estão ainda na base da escala inferior mas que podem melhorar e evoluir, chegando assim ao nível de espírito puro.

Anjos e demônios não são seres criados à parte, quando unidos a corpos materiais, eles constituem a humanidade que povoa a terra e a outras esferas habitadas, já quando separados do corpo, constituem o mundo espiritual ou dos espíritos que povoam os espaços.

Aqueles que pela sua indiferença, negligência, obstinação ou má vontade permanecem por tempo mais longo nas classes inferiores, tem mais dificuldade em deixar o hábito do mal,tornando mais difícil de sair da situação em que se encontra. Mas chega um tempo em que se cansam dessa existência penosa e dos sofrimentos que na verdade não é nada mais nada menos que uma consequência, se compararmos a sua situação com a dos bons espíritos. Compreendem que seu interesse está no bem e procuram se melhorar, mas o fazem por sua própria vontade e sem serem constrangidos por isso, pois eles estão submetidos à lei do progresso por sua aptidão em progredir igual a todos os espíritos.


Para isso Deus lhes fornece, sem cessar, os meios, mas são livres para aproveitarem ou não. Se o progresso fosse obrigatório, eles não teriam nenhum mérito, e Deus quer que tenham o de suas próprias obras. Não coloca nenhum na primeira classe por privilégio, mas a primeira classe está aberta a todos, e a ela não chegam senão por seus esforços. Os mais elevados anjos conquistaram o seu grau como os outros passando pela rota comum.

Podemos afirmar então que os demônios são espíritos que estão em um grau de evolução inferior, e sentem prazer em praticar o mal, vivendo uma falsa felicidade. Se afastando cada vez mais dos mentores espirituais, por estarem em constante vibração com energias ruins e atraindo para si próprios apenas seres que vivem da prática do mal. Mas chegará o dia em que a lei divina irá fazer com que eles se melhorem e saiam da área de conforto e então aprenderão o verdadeiro sentido da vida, que é amar ao próximo como a ti mesmo para se tornar um dia um espírito de luz.

(Fonte: Livro Céu e o Inferno)

Comente com o Facebook: